LIVRO O ato de engolir pedras PDF Cintia Macena

BAIXAR LIVRO ONLINE

Resumo

“Levaram-me de mim porque não cedi. Levaram-me de mim porque protegi o que me restou. Levaram-me de mim e ainda não me devolveram. Sou uma casa vazia.Olham minha superfície e enxergam o fundo de mim, mas não acreditam no que veem. Índios primevos, miragem. Não há o que fazer. Conchas, corais, tesouros afundados: água que só sabe ser água, broto dos meus próprios olhos para alimentar as areias. Inundo o mundo. Adormeço em minha poça, líquido amniótico feito de lágrimas. Sou minha mãe: eu me gero, eu me nino, e amanhã me colocarei novamente no mundo, em mais um sucessivo ensaio descrente de vitória.”Uma voz que fala para ninguém, a angústia da perda, o abismo da solidão. O ato de engolir as pedras que o mundo coloca no caminho depende da coragem de suportar com lucidez o peso do imponderável.