LIVRO Esse Único e Exemplar Mamífero PDF Rogerlando Cavalcante

BAIXAR LIVRO ONLINE

Resumo

“Já ninguém fábula”, “ninguém” conversa mais nas calçadas, nem conta fábulas (..)História de botijas, panelas transbordantes de ouro que se desenterrados desobedecendo o ditado pelo revelador sonho de três noites seguidas acabavam em panelas cujo ouro se convertia em carvão – e tisna, e a fábula dos quarenta ladrões perdeu a magia para ratos e gatunos afortunados, e agora delata e figura nossa elite política e empresarial nos tribunais e presídios.As calçadas não são mais das cadeiras, dos vizinhos, das crianças. São de desconhecidos transeuntes. As pessoas se trancafiam em casa e se refugiam no mundo virtual, mas não se tornam melhores – em público não se privam, em privado se publicam.E tudo é marketing – e máscara: “Somente em mensagens a vida é linda”.(…)O filósofo e matemáticos Descartes não quis separar corpo e mente, como querem entender alguns. Quando proferiu sua máxima “Penso, logo existo” quis evidenciar, e evidenciou, o espírito desse mamífero “único e exemplar”, que é o homem. Já Hobbes fez ver o “animal mortífero” quando sentenciou: o homem é o lobo do homem – os outros animais têm apenas os instintos, o homem também o espírito: a loba que amamenta Rómulo e Remo é uma alegoria sobre o afeto – o leite – e a ferocidade humana – o sangue. (…)E o poeta diz isso maravilhado com “esse único e exemplar mamífero”: o ser capaz dos afetos e do cálculo, (…).O ser se alia e ama, nasce e mama, se alia e(…)